Várias pessoas já estão acampadas entre o Palácio de Buckingham e a Abadia de Westminster, em Londres, aguardando as cerimônias de coroação do rei Charles III, no próximo sábado (6).

A segurança foi reforçada e 30 mil policiais estarão nas ruas de Londres nos próximos dias. Na noite passada, um homem foi detido no exterior do Palácio de Buckingham.

Nenhum outro herdeiro do trono britânico esperou tanto tempo para ser coroado.

A rainha Elizabeth II morreu em setembro do ano passado, aos 96 anos, no Castelo de Balmoral, na Escócia, depois de cumprir 70 anos de reinado. Ela assumiu o trono britânico em 1952 e foi a monarca mais longeva da história da coroa britânica.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva acompanhará, em Londres, a cerimônia de coroação. A visita à Inglaterra inclui também reunião bilateral com o primeiro-ministro britânico, Rishi Sunak, o chefe de governo do Reino Unido (o chefe de Estado é o próprio rei).

O rei Charles III será o 40º monarca a receber a coroa na Abadia de Westminster, em uma cerimônia religiosa que é realizada há mais de 900 anos e que passou a seguir os rituais da Igreja Anglicana, após sua criação pelo rei Henrique VIII, em 1534. Antes de ler o juramento, o novo rei será ungido com óleos aromáticos, em cerimônia que envolve músicas e leituras.

*Com informações da RTP – Rádio e Televisão de Portugal 

*Colaborou Pedro Rafael Vilela

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.